A Internet das Coisas está em todo lugar

Article by Achilles

Tecnologias inteligentes: fabricado em [desconhecido]

A explosão de produtos que usam inteligência artificial, dispositivos conectados e a internet das coisas representam uma enorme oportunidade para as empresas em todos os lugares. Como consequência, os fabricantes estão trabalhando com empresas de diferentes regimes legislativos em todo o mundo. Portanto, como você pode ter certeza que todos seguem todas as regras e normas?

A Internet das Coisas está em todo lugar. No local de trabalho, nas principais ruas de comércio, nas casas (e até nos jardins), nos carros, nos nossos pulsos e na nossa bagagem. E isso é só o começo.

Quase que já não há como escapar dos dispositivos inteligentes. E certamente não há como ignorar a oportunidade de negócios que a internet das coisas representa para muitos milhares de empresários e empresas em todo o mundo.
O progresso é tremendamente rápido. A exposição CES deste ano em Las Vegas, que se autodenomina o “palco global da inovação”, introduziu uma enorme variedade de novos produtos que funcionam com inteligência artificial – desde cachorros robóticos para moradores de apartamentos até espelhos de banheiro que leem as notícias.

Gigantes globais: isso não é tudo

Um dia, alguns desses produtos estarão sendo usados em todos os lugares, enquanto que outros serão totalmente esquecidos. Mas neste exato momento, eles têm uma coisa importante em comum – a maioria são baseados em proprietários de tecnologia global, cuja familiaridade cria uma sensação de segurança sobre a integridade de suas cadeias de fornecimento.

Mas não deveria ser assim.

A realidade é muito mais complicada. As cadeias de fornecimento de alta tecnologia frequentemente contêm muitas empresas regidas por legislações diferentes em todo o mundo – e isso dificulta garantir que haja conformidade.
Na verdade, pode haver muitas empresas sobre as quais você sabe muito pouco. E existe um risco muito real de que algumas dessas empresas estejam bem longe de seguir todas as normas regulamentares pertinentes.

12%. Esse é o número de empresas registradas na comunidade de Energia e Tecnologia da Achilles que atualmente não têm uma política de saúde e segurança documentada. E se essa empresa fosse uma parte atuante fundamental na sua cadeia de fornecimento? E o que aconteceria se esta violação fosse constatada?

Uma única falta de conformidade não só acarreta o desafio imediato de ter que encontrar fornecedores alternativos, mas também causa um impacto menos tangível na reputação da empresa e na sua credibilidade no mercado.

E não nos esqueçamos que violações de saúde e segurança podem acarretar graves consequências para os negócios – grandes multas são normais, e pode ser que o seguro da empresa não venha a cobrir os custos. Há também a possibilidade de penas de prisão para os delitos mais graves.

Então, é claro que há a consideração de que garantir o bem-estar dos trabalhadores produz efeitos positivos, não só na reputação da empresa, mas também pode aumentar a produtividade e a rentabilidade na cadeia de fornecimento. Neste artigo do Financial Times, descreve-se os benefícios de proteger o bem-estar dos funcionários nas cadeias de fornecimento globais.

Mas existem formas simples de garantir que todos os seus fornecedores tenham conformidade total.

Como garantir a conformidade

Uma destas formas é ser membro da comunidade de Fabricação industrial da Achilles. Incluindo empresas de automação, eletrônicas e de tecnologia industrial de todo o mundo, esta constitui uma forma totalmente transparente de você avaliar os recursos, custos e conformidade dos fornecedores.

Isto é feito de duas formas. Em primeiro lugar, todos os fornecedores preenchem um detalhado questionário de pré-qualificação, que abrange uma série de aspectos de conformidade, desde o meio ambiente e a responsabilidade social empresarial até a saúde e segurança, a responsabilidade ética e a conformidade material.

Depois disso, a Achilles verifica se as informações estão corretas e completas.

Em segundo lugar, a Achilles também pode realizar auditorias dos sistemas de gestão dos fornecedores, garantindo que eles também seguem as normas reconhecidas nessas mesmas categorias.
E os benefícios são claros: maior certeza e confiança em relação aos níveis de conformidade na sua cadeia de fornecimento, redução drástica do risco de afetar a reputação e muitas novas eficiências nos seus processos de aquisição.

Como usar a confiança como acelerador

E mais do que isso, esses benefícios se reúnem para oferecer uma vantagem competitiva. Ter essa confiança significa que você pode agir mais rapidamente – e poucas áreas comerciais estão mudando mais rapidamente do que o mundo dos dispositivos conectados.

Quem sabe que maravilhas serão apresentadas na CES 2019?

Uma coisa é certa – os fabricantes com confiança total em todos os elos de suas cadeias de fornecimento já estão desfrutando da vantagem de começar na frente dos outros.

 



Receba ótimas informações na sua caixa de entrada todos os meses

Assinar