Desafios de contratação nos grandes projetos de infraestrutura

Article by Achilles

Atualizando o Metrô de Estocolmo para atender às necessidade de uma região em transformação.

Estocolmo é uma região que está passando por grandes mudanças. Como uma das áreas que mais cresce no mundo, observou sua população aumentar para mais de dois milhões nos últimos dez anos. Cerca de 35.000 pessoas de todo o mundo escolhem a capital sueca como seu lar todos os anos.

Com toda essa gente nova, a infraestrutura da cidade também precisa crescer e se adaptar. E, com o equivalente a dois ônibus lotados de residentes se mudando para a região todos os dias, a tarefa de atualizar a capacidade do sistema de transporte público de Estocolmo não é pequena.

O Metrô de Estocolmo está passando por um período de grande desenvolvimento, gerando grandes oportunidades para os fornecedores. Além da inauguração de um novo túnel de 6 km sob a região em 2017, o governo está investindo 29,8 milhões de coroas suecas para adicionar 20 km ao sistema e dez novas estações. A capacidade aumentada ajudará no deslocamento dos novos moradores da região de suas casas recém-construídas para seus empregos recém-criados.

Mas o projeto não é simples. Estocolmo é famosa por apresentar alguns desafios interessantes para projetos de construção em grande escala, o que cria considerações adicionais para os envolvidos no processo de contratação.

Desafios exclusivos

O projeto do Metrô de Estocolmo ficou mais complexo devido a dois fatores importantes. Em primeiro lugar, fatores geológicos fazem com que a construção precise ser realizada muito fundo no subterrâneo e, em segundo lugar, o Metrô está localizado no centro de uma área movimentada e uma quantidade enorme de pessoas conta com ele todos os dias.

A construção subterrânea em Estocolmo exige a contabilização de zonas de fissura e água de alta pressão, e os novos túneis devem ser impermeabilizados e estabilizados enquanto estão sendo construídos. Uma combinação de conhecimento especializado e pensamento inovador também é necessária para enfrentar os desafios da construção de estações extremamente profundas em Sofia e Gullmarsplan, ficando a primeira a 100 metros abaixo do solo. A estação de Sofia vai ter de utilizar grandes elevadores expressos em vez de elevadores comuns para transportar os passageiros a uma distância tão profunda.

Com um projeto desse porte, é impossível evitar algum grau de transtorno aos passageiros do metrô, bem como aos motoristas, pedestres e ciclistas. Em uma região tão movimentada quanto Estocolmo, é importante assegurar que as pessoas ainda possam viajar com a maior facilidade e rapidez possível.

Conhecimento especializado e competência

Esses desafios tornam a busca dos fornecedores certos ainda mais importante para o sucesso do projeto do Metrô de Estocolmo. Isso exige uma combinação excepcional de conhecimento especializado e competência para lidar não apenas com o volume de trabalho, mas também com sua natureza desafiadora.

O projeto está sendo liderado pela Förvaltning för utbyggd tunnelbana (FUT – a gestão da ferrovia subterrânea), que foi criada pela administração regional de transporte de Estocolmo (SLL). Como empresa pública, a FUT é obrigada a seguir a legislação de contratação, em particular, a Lei de Contratação dos Setores de Água, Transporte e Serviços Postais, LUF. Como as habilidades e competência necessárias são bastante específicas, o processo de contratação é internacional. Isso também exige um sistema prévio de habilitação para garantir que os fornecedores em potencial sejam adequados ao projeto.

O projeto está utilizando o Sistema TransQ da Achilles para assegurar que os fornecedores tenham o nível correto de competência e aptidão técnica, bem como boa situação financeira para ser uma adição bem-sucedida ao projeto.

Coletamos e validamos os dados do fornecedor e mitigamos os riscos para que projetos importantes como este possam ter a certeza da cadeia de fornecimento mais eficiente, sustentável e segura possível. Ajudamos os compradores a operar com confiança, sabendo que os fornecedores com quem trabalham provavelmente serão adições efetivas em um projeto. Da mesma forma, damos aos fornecedores a oportunidade de documentar e demonstrar com clareza suas competências e aptidões para o projeto, garantindo sua visibilidade às pessoas certas.

Construindo o futuro do transporte subterrâneo

Estocolmo não é a única região que procura atualizar um sistema subterrâneo de transporte antiquado. Em todo o mundo, grandes áreas metropolitanas estão procurando aplicar as mais recentes tecnologias e avanços em construção para lidar com as demandas das grandes populações.

Por exemplo, Sydney está atualizando sua estação mais movimentada para acomodar o aumento de 270.000 para 450.000 passageiros nas próximas duas décadas. Enquanto isso, o projeto do aeroporto de Los Angeles (LAX), Automated People Mover começará a transportar passageiros de Los Angeles para o aeroporto em 2023. Esses grandes projetos de infraestrutura são todos caros e complexos e dependem de grandes cadeias de fornecimento – o sucesso depende da implementação do processo correto de contratação.

O projeto do Metrô de Estocolmo é um exemplo de como as cidades em todo o mundo estão suprindo as necessidades de suas crescentes populações. Oferecemos a inteligência comercial e a percepção para que a contratação não precise tomar todo tempo, energia e dinheiro da equipe do projeto. Reduzindo custos e riscos, podemos ajudar projetos de grande escala, como o Metrô de Estocolmo, e os fornecedores em todo o mundo a firmar parcerias de forma mais efetiva e a alcançar o melhor resultado.

“Tudo o que você precisa saber sobre o novo metrô de Estocolmo” – FUT



Receba ótimas informações na sua caixa de entrada todos os meses

Assinar